7
 

1

Com nossa experiência no ensino de línguas, percebemos o quanto é importante prestar atenção ao que nossos alunos pensam e dizem e às suas individualidades. Assim, nosso maior objetivo é elaborar atividades práticas apropriadas para cada faixa etária e necessidades de aprendizado, focando assim em aulas e atividades prazerosas e dinâmicas que atendam as expectativas dos alunos e que desenvolvam as habilidades de ouvir, falar, ler e escrever do idioma que se está aprendendo.

Nossa história

O Zap Idiomas é o fruto de anos de experiência no ensino da língua Inglesa e resultado de uma temporada da empresária e fundadora desta instituição nos Estados Unidos, de onde voltou em 2009, depois de quatro anos residindo na cidade de Dallas, no estado do Texas. Formada em Inglês, graduada em Letras com ênfase em Língua Inglesa pela Universidade Estadual de Santa Cruz, e encantada com sua experiência cultural, Maria das Graças, conhecida carinhosamente como Gal Midlej, quis investir no fomento do conhecimento da microrregião Itabuna – Ilhéus, que hoje se encontram em franca expansão. Gal Midlej aliou ao seu desejo e encantamento, o Knowhow de anos de experiência em diversas instituições de ensino de idiomas desta cidade e, também, nos EUA. Dessa maneira, nasceu no fim do ano de 2010 a Zap Idiomas, com uma metodologia eficiente, reconhecendo e valorizando o investimento de tempo e recursos financeiros dos seus alunos.

Visão

Consolidar-se como um centro de idiomas para alunos de todas as idades por meio de um método rápido e eficiente.

Missão

Contribuir de maneira efetiva com a formação dos nossos alunos garantindo-lhes um ensino de qualidade aliado a um preço justo.

Valores

  • Honestidade;
  • Ética;
  • Responsabilidade social;
  • Respeito aos nossos alunos e colaboradores;
  • Comprometimento.

Nosso Compromisso

Nos comprometemos a exercer uma forma de gestão integrada, ética e transparente dos nossos negócios e atividades e das nossas relações com todos os públicos de interesse, promovendo os direitos humanos e a cidadania, respeitando a diversidade humana e cultural, não permitindo a discriminação, o trabalho degradante, o trabalho infantil e escravo e contribuindo para o desenvolvimento sustentável e para a redução da desigualdade social.